Publicado por: marianacarneiro | 20/08/2009

Pluft, o Fantasminha, grátis no Teatro Martim Gonçalves

Pluft, o fantasminhaEstreia nesta sexta (21) no Teatro Martim Gonçalves/Escola de Teatro da UFBa um dos mais famosos e montados textos de Maria Clara Machado: Pluft, o Fantasminha. As apresentações, a cargo da Cia Teatro de Varanda, serão gratuitas e seguem até o dia 30 de agosto.

Clássico da literatura  brasileira, o texto de Maria Clara Machado estreou no Rio de Janeiro em 1955 com o grupo teatral O Tablado, e ganhou fama por oferecer uma linguagem teatral especialmente elaborada para crianças.

A peça conta a história do rapto da menina Maribel pelo pirata Perna-de-Pau. O vilão esconde a menina no sótão de uma velha casa abandonada, onde vive uma família de fantasmas: a Mãe, que faz pastéis de vento e conversa ao telefone com Prima Bolha; o fantasminha Pluft, que nunca viu e morre de medo de gente; Tio Gerúndio, que passa o dia inteiro dormindo dentro de um baú; e Chisto, o primo aviador. O ponto alto do texto são os diálogos cheios de poesia e inocência entre a menina Maribel e o Fantasminha Pluft.

Além de ganhar inúmeras montagens teatrais país afora, Pluft foi transformado em filme brasileiro, em 1961, por Romain Lesage. Em 1975, virou novela infantil, exibida pela Globo.

SERVIÇO

Pluft,  o Fantasminha

Texto: Maria Clara Machado. Direção:  Susan Kalik .

Teatro Martim Gonçalves – R. Araújo Pinho, Canela (Tel. 3283-7862/ 7868).

Quintas e sextas às 15h, sábados às 17h e 19h, domingos às 17h. Até  o dia 30/8.

Entrada franca – senhas distribuídas uma hora antes do espetáculo

=========================================

»»»»»» Sessão nostalgia: assista a abertura da novela Pluft, o Fantasminha:

»»»»»» Veja cenas do primeiro encontro entre Pluft e Maribel, na novela infantil exibida em 1975 pela Rede Globo, com Zilka Salaberry, Dirce Migliaccio e Norma Blum no elenco:


Responses

  1. Mari, esses seus roteiros de fim de semana salvam a vida dos pais, rsrsrs. A exposição de carrinhos é a cara de matheus, ele coleciona essas miniaturas desde pequeno e confesso que até eu fico empolgada cada vez que descobrimos modelos novos. Com certeza ele vai adorar. Beijos

  2. Não se fazem pastel de vento como antigamente! Um beijo prima bolha , agora estou com 45 anos, nem acredito! Que lembrança deliciosa FANTASMINHA! como é bom ser criança…

  3. vamos senti muitas saudades mari clara machado


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: