Publicado por: marianacarneiro | 17/12/2009

Fim de semana em ritmo natalino

O ritmo de fim de ano deixa tudo acelerado, menos as programações infantis pela cidade…

Sobram poucas opções no circuito cultural, mas dá para sobreviver! Aproveite para levar os pequenos para conferir decorações natalinas com ruas iluminadas (os locais mais bonitos são o Campo Grande, Dique do Tororó e Morro do Cristo, na Barra), papais noéis, corais e outras atrações típicas do perído. Afinal, é só uma vez por ano!

BIBLIOTECAS

Monteiro Lobato (Nazaré) – A biblioteca infantil mantém programação dominical com a Hora de Ouvir Histórias (11h) e apresentação da peça O Mundo Encantado do Natal, com o grupo Faz o Riso Cá Cá Cá, às 15h. Grátis.

Biblioteca Central (Barris) – Das 10h às 12h do domingo haverá apresentação do grupo Circo sem Lona, com os palhaços Dentado e Desdentado, que apresentam o espetáculo Contando, Cantando e Brincando. Às 14h acontece oficina de máscaras, para adultos e crianças. As inscrições podem ser feitas no próprio local, na hora do evento. Grátis.

LIVRARIAS

A contadora de histórias Zezé Goodwin convida a criançada para mais uma divertida viagem ao mundo de imaginação e fantasia, no sábado (19), às 17h, na livraria Nobel do Shopping Itaigara (2° piso, tel.3355-0841).

CINEMA

Na Trilha das Fábulas – Um programa que vai reunir dois clássicos de Hollywood: às 15h30 será apresentado Branca de Neve e os Sete Anões (1937), de Walt Disney, e às 18h O Mágico de Oz (1939), de Victor Flemming.    Quando: sexta, sábado e domingo, na Sala Alexandre Robatto (Biblioteca dos Barris). A entrada é franca.

EXPOSIÇÃO

Na noite desta sexta o Museu de Arte Moderna da Bahia abre a exposição Coleção MAM-BA – 50 Anos de Arte Brasileira, com 86 obras de
seu acervo que ilustram momentos chave da história da arte brasileira nos últimos 60 anos. A exposição ocupa todos os espaços expositivos do Solar do Unhão e se divide em quatro núcleos: Modernistas, Fotografia, Rubem Valentim e Contemporâneos.

Uma Linha do Tempo, construída na Galeria Subsolo, contextualiza a história do acervo e do museu. A exposição ficará em cartaz até 28 de março de 2010 e contará com uma intensa programação educativa.

O MAM fica na Av. Contorno s/n – Solar do Unhão, tel. 3117 6139. Visitação: terça a domingo das 13h às 19h e aos sábados das 13h às 21h.

CULINÁRIA

A tradicional feira de culinária “Delícias do Porto” tem neste sábado sua última edição de 2009, no Largo do Porto da Barra. A partir do meio dia, o público pode degustar as iguarias típicas da cozinha baiana, desde petiscos e guloseimas a especialidades como moquecas, maniçoba, caruru, xinxim e feijoada. Doces tradicionais, como cocadas e bolos regionais, também estão no cardápio, além de espetinhos, tapioca, tortas e pastéis.

A comilança estará associada à presença de barracas de artesanato que oferecem utilidades do lar, bijuterias, prataria, cabaça, produtos infantis, artesanato mineral e bio jóias. A partir das 18h, haverá forró pé de serra com Zé Costa e o samba de roda do músico Joaquim Carvalho. A próxima temporada da feira será em 9 de janeiro.

Neste domingo (20), o Instituto Mauá  promove Feira de Artesanato e Culinária no Parque da Cidade, das 9h às 16h.

MÚSICA

Jazz no Verão do Pelô – O projeto terá nova edição no domingo, às 16h, com shows de Dom Lula Nascimento e da Jazz Avant Garde Banda, no Largo Quincas Berro D’Água (Pelourinho).

Coral das crianças

Começam nesta sexta, dia 18, às 20 horas, as apresentações do Coral das Crianças de Salvador, nas janelas e sacadas dos casarões que integram o Portal da Misericórdia, em frente à Prefeitura de Salvador (entre a Praça Municipal e a Praça da Sé). Com regência do maestro Keiler Rêgo, o evento batizado de Uma Fábula Sem Fim, Um Auto de Natal acontece no mesmo horário também no sábado e domingo.

Composto por 150 meninos e meninas com idade de sete a 14 anos, em sua maioria da comunidade do Bairro da Paz, o Coral das Crianças comemora 10 anos de criação. Este ano apresentará um repertório especial com músicas natalinas e canções populares, para contar a história da saga de três anjos: Encanto, Alegria e Esperança, na busca por um mundo melhor, mais humano e  fraterno.

Quatro crianças que integram o grupo desde a sua fundação atuarão como solistas. Na sexta, a cantora Cátia Guimma fará uma apresentação especial juntamente com o Coral.

Oratório de Natal

O Coro e Orquestra Barroco na Bahia apresentam o Oratório de Natal – J. S. Bach (Cantatas I, III e VI) no domingo, às 11h, na Catedral Basílica (entrada pela porta lateral), com Ana Paula Sena (soprano), Larissa Lacerda (mezzo-soprano), Sandro Machado (tenor) e Moisés Téssalo (baixo).

Corais em shoppings

Barra (Av. Centenário, 2992, Chame-Chame) – Coral Paz e Bem se apresenta na sexta, o Nós e Vós/Igreja Aliança no sábado e Fragmentos no domingo, sempre a partir das 18h.

Center Lapa (R. Portão da Piedade, 155, Centro) – Coral Cantares é a atração desta sexta, a partir das 18h.

Paralela (Av. Luiz Viana, 8544) – O Coral da ASSUFBA (Associação do Sindicato dos Trabalhadores Técnicos-Administrativos da UFBA) se apresente nesta sexta, às 18h30, com repertório de cancioneiro popular, folclore e música sacra e erudita. No sábado é a vez do Coral Paparotti Concertos, com composições de canto lírico. No domingo se apresenta o Coral da Igreja Batista Betânia, às 18h30.

Paseo Itaigara (R. Rubens Guelli, 135, Itaigara) – O Coral Alguém Cantando se apresenta  na sexta, a partir das 19h.

Piedade (R. Junqueira Ayres, Piso L3) – Coral Raios de Sol se apresenta na sexta e o Divina Geração no sábado, sempre às 17h.


Responses

  1. Clima natalino! Felicidade…Menino Jesus…reflexões de amor,paz…

  2. Também no clima pré-natalino, dias 19 e 20/12, o Coisário – Ateliê Brincante & Tramadaletra promovem oficinas literárias durante o Bazar dos Nômades, sempre às 17h, no Portela Café. Ao final da oficina, estimulamos as crianças a integrarem o grupo dos “Sussurradores de Poesia”, cujo manifesto vem sendo divulgado desde a última edição do evento. Apareçam!
    Mais informações:coisario.wordpress.com ou troposliquidos.blogspot.com

  3. Gente,
    Eu na verdade queria deixar um registro/dica de post. Eu levei meu filho ao teatro Gil Santana, no Rio Vermelho, o único na cidade com peças infantis em cartaz. Fiquei horrorizada com a precariedade do lugar, sujo, desorganizado, instalações que mais parecem um cortiço. Os atores na sessão das 18h já estavam muito cansados e não quero nem comentar o figurino e cenários..os atores estavam com meias imundas..via-se o solado preto. Meu filho de 2 anos curtiu, pois era a história preferida dele e acho que ainda não faz distinção sobre a qualidade desse tipo de espetáculo. Acho uma pena este espaço estar dessa maneira, tão deteriorado. Gostaria, se possivel, ouvir o diretor do teatro, o próprio Gil Santana se manifestar sobre esse assunto.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: