Publicado por: marianacarneiro | 30/09/2010

Convites para Peter Pan!

Quer concorrer a ingressos para o espetáculo Peter Pan – O Musical? A NER Entretenimento e o blog Pequenópolis se juntaram para mandar você para a Terra do Nunca junto com seu filho(a)!

Publique um comentário neste post criando um novo personagem para a história do menino que não quer crescer. Conte para nós qual seria o nome dele, descreva-o e tente inseri-lo na narrativa. Não precisa ser um texto grande. Se você é como nós, que amamos Peter Pan, isso vai ser moleza! Solte a imaginação junto com seus filhos e mostre que também não vai crescer nunca!

As três ideias mais criativas serão premiadas com um par de convites para a sessão VIP do espetáculo, que acontece no dia 07/10 (quinta-feira), às 20h, no Teatro Castro Alves. Os convites servem tanto para adulto quanto para criança.

Concorrem as postagens feitas até as 20h do domingo, dia 3. O resultado será divulgado aqui, na manhã de segunda-feira (04/10). Os ganhadores devem retirar os convites na NER (bairro do Stiep), até as 18h de quarta-feira, dia 06/10.

Boa viagem!!!

»»»»»»»» Siga a NER no twitter e participe de outras promoções para ver Peter Pan

»»»»»»»» Assista ao vídeo promocional da peça

=======================

SERVIÇO DO ESPETÁCULO PAGO

PETER PAN
Dias 9 e 10 de outubro
Horários: 16h e 19h
Teatro Castro Alves (sala principal) – Campo Grande
Ingressos (inteira): R$ 140 (filas A a P), R$ 120 (filas Q a Z), R$ 80 (filas Z1 a Z9), R$ 50 (filas Z10 a Z11)


Responses

  1. Menina, vim procurar informações sobre Shrek! Indiquei seu blog a toda a minha lista de contatos, adoro a s dicas!

  2. Era uma vez … o dia em que Peter Pan retorna à Terra do Nunca , depois de deixar Wendy sã e salva em casa. Com saudades da menina, Peter deixa cair uma lágrima na areia mágica da praia. Sininho, preocupada com seu amigo, pega sua varinha e … plim! faz nascer Alena, a menina que não queria crescer.
    Como a fada artesã é atrapalhada às vezes, acaba confundindo-se e traz à Terra do Nunca uma adulta, encantada com a infância e com o mundo mágico das palavras, das histórias e dos personagens infantis.
    Peter se assusta inicialmente. Desconfiado, tenta tocar na moça, dá risada, rodopia no ar e se esconde atrás das plantas na floresta.
    Ela não se dá por vencida: sorri e então o encanto se faz. Em seu ombro, Sininho joga-lhe o pó mágico e ela voa… lépida e faceira, feliz, alegre, enchendo o peito de alegria e redescobrindo, na verdade, a eterna alegria de ser criança.
    Ops! barulho no meio da madrugada! Foi um sonho. Alena sorri e alisa a barriga, grávida de sua filha Alice. No travesseiro macio, ela adormece. Está certa de que aquela menina irá devolver o riso e a alegria à sua vida, sua filha será o reencontro com a Terra do Nunca, com a infância eterna, com a alegria de viver. É a vida, insistindo em viver. Plena.
    zzzzzzz

  3. Quando completou cinco anos, Peter Pan ganhou uma cadelinha de presente de aniversário. Logo a chamou de Chiquilla (pirralha, em espanhol) e a adotou como fiel companheira. Aos poucos, Chiquilla foi assumindo atitudes parecidas com as do seu dono e, como ele, se recusou a crescer e envelhecer. Não houve uma só aventura que Chiquilla não tenha participado.

  4. Soninho era um duende primo de Sininho. Ele era pequenino, verde, tinha uma touca na cabeça e vestia pijama.
    Apesar da sua aparência de preguiçoso, Soninho era muito forte e corajoso.
    O seu papel na história, era o de mostrar para as pessoas que não deve-se julgar ninguém pela aparência. Pois quando os inimigos tentavam se aproximar, achando que Soninho era preguiçoso, fraco, devido à sua aparência e como se vestia, ele dava uma lição, pois juntava-se com Peter e Sininho e juntos eram fortes e venciam qualquer obstáculo.
    Soninho entra na história para defender seus amigos. Não importa seu tamanho, sua cara de sono, ele é forte e fiel, e isso é o que importa na Terra do Nunca…

  5. Como prova da grande amizade Wendy, João e Miguel deixam com Peter Pan o querido ursinho de pelúcia que Miguel arrastava para todo lugar. Peter fica muito feliz com o presente e o ursinho Toot passa a ser seu companheiro durante as noites…De tanto conversar e tratar o ursinho Toot como um urso de verdade, Sininho percebeu que dar vida ao velho ursinho seria um grande presente para seu amigo Peter. O amigo Toot passou então a acompanhar Peter e Sininho em todas as aventuras e se divertem muito juntos na Terra do Nunca. Tood tornou se o único meio de Peter se comunicar com os seus amigos Wandy, João e Miguel, ele conseguia passar a noite na casa das crianças sem ser notado pelos adultos.

  6. Dedo Mindinho era um anão muito esperto e de cara esquisita. Seu nariz crescera um pouco e na ponta dele tinha uma grande verruga. Suas orelhas eram tão grandes que todos diziam ser o primo do Dumbo. Um dia Dedo Mindinho estava caminhando pela praia quando viu um grande navio. Era o navio do Capitão Gancho. Ele ficou admirado com o tamanho do navio. Nunca tinha visto um barco daquele tamanho!
    De longe o traquino Peter Pan observava a admiração de Dedo Mindinho e resolveu dar-lhe um susto gritando bem alto próximo da suas grandes orelhas: – Vou te pegar seu curioso! Dedo Mindinho soltou um grito assustador e saiu correndo sem prestar atenção pelo caminho. Tropeçou em tudo e levou um grande tombo que o fez enterrar o seu grande nariz no chão. Ele pensou que era o malvado pirata Capitão Gancho. Peter Pan deu uma grande gargalhada. Dedo Mindinho levantou-se rapidamente e já se preparava para correr de novo quando Peter Pan gritou: – Ei, não tenha medo; sou eu Peter Pan. Dedo Mindinho parou de repente e levou novo tombo. Dessa vez Peter Pan se aproximou e ofereceu ajuda para Dedo Mindinho se levantar.
    Logo Peter Pan percebeu que Dedo Mindinho era uma pessoa especial, ele não era uma criança, mas sim um anão. Dedo Mindinho também ficou curioso com o tamanho de Peter Pan e pensou que ele também era um anão. Peter Pan então explicou-lhe que ele não era um anão, mas sim uma criança que nunca crescia e contou-lhe toda a sua história. Falou de seus amigos, Wendy, João, Miguel, Nana e a Fada Sininho. Ele falou também do terrível Capitão Gancho e do grande crocodilo Tic-Tac que quase engoliu o Capitão Gancho. Dedo Mindinho ouvia atentamente a história de Peter Pan, quando lhe perguntou: – Onde você mora? Peter Pan respondeu: – Eu venho da Terra do Nunca, lá as crianças nunca crescem. E em seguida convidou Dedo Mindinho, seu mais novo amigo para conhecer o seu maravilhoso mundo. Para que eles pudessem viajar era preciso da ajuda da Fada Sininho, sua grande amiga, que apareceu assim que Peter Pan chamou. Sininho jogou o pó de pirlimpimpim e logo todos estavam voando a caminho da Terra do Nunca. E assim Peter Pan e Dedo Mindinho iniciaram uma grande amizade.

  7. Era uma vez uma linda menina chamada Jujuba, ela adorava assistir e ouvir historias contadas pela sua mãe principalmente as do Peter Pan, um certo dia Jujuba estava muito arredia, desobedecendo a tudo e a todos no seu lar e entao sua mãe em forma de castigo colocou a pequena Jujuba no cantinho do pensamento para que ela pensasse nas coisas más que estava fazendo, foi então que Jujuba adormeceu e acordou em um lugar lindo, sem saber o que estava contecendo ela correu, correu e se deparou com uma fadinha e essa fadinha era a Sininho que já estava esperando Jujuba para mostrar-lhe a linda Terra do Nunca, encantada Jujuba viu Peter Pan que ficou muito mais muito feliz, brincando, rodopeando em ver Jujuba pois ele já conhecia por está junto com ela todas as noites ouvindo as historias da sua mãe e disse a ela também que estava triste em saber que Jujuba estava daquele jeito arredia e má quase ficando amiga do capitão Gancho, por sua vez Peter e seus amigos levaram Jujuba para um passeio incrivél, brincaram muito, fizeram muitas aventuras e no meio das gargalhadas Jujuba percebeu que estava tão feliz que nao queria deixar de ser criança e continuar ali no meio de dos seus novos amigos, mais a fada Sininho e o Peter Pan disse a Jujuba que ela deveria ir e ajudar outras crianças e quando acordasse transmitisse muita, alegria, paz e amor para todos e princialmente a sua familia, pois eles precisavam de muitos amigos como a Jujuba para mudar o mundo chamado Terra e que ela precisava passar adiante tudo o que ela tinha vivido na Terra do Nunca, então Jujuba aceitou e disposta a voltar e transformar tudo em alegria se despediu carinhosamente de seus amigos e acordou, a sua mãe estava ao seu lado onde ela pediu desculpas, deu uma abraço e um beijo bem carinhoso e dai por diante foi passando para sua familia e seus amiguinhos do seu mundo Terra todas as coisas boas vividas com seus amigos na Terra do Nunca e Jujuba ensinou muito e aprendeu também que crescemos, mais nunca deixamos de ser crianças o que importa é a alegria, paz e amor e com tudo isso vamos ajudando a Peter Pan e seus amigos contruindo o mundo melhor!!!

  8. Era uma vez… o dia em que Peter Pan decidiu viver debaixo do oceano, recrutando crianças que caiam dos barcos que passavam. Peter Pan precisava de uma equipe forte e poderosa para salvar a Terra do Nunca das mal criações do Capitão Gancho. Foi então que surgiu Enzo, um menininho muito esperto, criativo, com cabelos dourados e olhos azuis, que havia caído do barco de seus pais.
    Enzo com toda a sua criatividade ajudou Peter Pan a bolar um plano infalível para derrotar o temido Capitão Gancho. Sininho fez uma mágica para que todos os tripulantes do barco ficassem sem escutar nada, nem um barulhinho mínimo, durante 24 horas. Apenas o capitão Gancho poderia ouvir alguma coisa.
    À noite, quando todos estavam dormindo, Enzo entrou no barco, foi até o quarto do capitão, que era sonâmbulo e contou para ele uma história de uma sereia linda que estava no oceano próximo ao Jolly Roger (barco do capitão Gancho) esperando por ele. O capitão ainda dormindo levanta da cama para ir até a prancha do barco sonhando em encontrar a sereia.
    Antes de chegar, Sininho jogou o pozinho da mágica para que o capitão Gancho também ficasse sem escutar nada, principalmente o barulhinho do ‘tic tac’ que o relógio que o crocodilo engoliu fazia. Foi então que ao chegar na ponta da prancha, Enzo fez um sinal para Peter Pan avisando que o crocodilo já estava por ali e Peter Pan partiu a prancha derrubando o capitão Gancho no oceano, diretamente na imensa boca do crocodilo que esperava ansiosamente por aquela comida. Enzo falou: – Viu seu capitão feião, bobão e chato… quem faz bobagem e teimosia merece ficar de castigo. E o crocodilo levou o capitão para as profundezas do oceano.
    No dia seguinte, quando todos acordaram no barco, procuraram pelo capitão e não encontraram, decidiram sair da baia da Terra do Nunca e foram em busca do capitão em outros mares. Enzo, com a sensação de dever cumprido, voltou para o lugar no oceano onde havia caído do barco de seus pais e foi encontrado pela equipe de resgate que estava a sua procura. Finalmente, Enzo e seus pais se encontraram novamente e foram felizes para sempre.

  9. Um belo dia um garoto por nome Lucas acordou no meio da noite e sem querer ouviu comentários dos seus pais sobre como a vida estava difícil, contas para pagar, muito trabalho, entre um comentário e outro sua mãe falou: quem nos dera voltassemos a infância, onde tudo era alegria, brincávamos muito e não tínhamos preocupações, tempo bom! então o garoto voltou para cama e adormeceu e no seu sonho seu pai, sua mãe e todos se tornaram crianças novamente, seu papai ao invés de trabalhar, empinava pipa, jogava bola, sua mãe ao invés de comida, fazia doces, brigadeiros, sorvetes, quando de repente deparou-se com um lago lindo cheio de cisnes e lá estava Peter Pan e a Fada Sininho, o garoto mal podia acreditar no que estava vendo, passou a mão nos olhos e disse: não estou sonhando é muito real! neste instante ouviu gritos eram seus pais que foram capturados pelo malvado capitão gancho, então ele com toda força e amor que sentia pelo seus pais, chamou Peter Pan e Sininho e juntos lutaram e conseguiram derrotar o capitão gancho. Felizes brincaram pelo paraíso onde tudo era só alegria e brincadeiras e assim Lucas, Peter Pan, a Fada Sininho e seus pais estavam felizes como sonhavam. Ao acordar percebeu que tudo não passava de um sonho, mas ficou muito feliz ao ver os seus pais ali porém desta vez fazendo planos para o futuro e agradecendo a Deus por terem crescido e dado a vida ao pequeno Lucas, pois só crescendo e com responsabilidade este sonho se tornou possível. A partir daí como uma transmissão de pensamentos seus pais se tornaram pessoas mais felizes e participativas na vida do garoto e sempre que podiam brincavam de tudo um pouco.

  10. …Peter Pan, em uma de suas aventuras sobrevoando um grande lago da terra do nunca, encontrou um peixinho chamado Lulu.
    Ele vivia muito triste e sozinho. Lá, era muito escuro, escuro que nem breu, e Lulu morria de medo de escuro.
    Toda hora ele ia até a margem do lago. Botava a cabeça para fora e achava tudo lindo.
    Céu azul, grama, sol. Flores para todo lado. E Petera Pan brincando com as crianças felizes e contentes.
    Lulu queria morar entre as árvores com as crianças da terra do nunca.
    Foi aí que certo dia Wendy lançou sobre o lago um pouco de pó de prilimpimpim e foi aí que Lulu criou asas e conseguiu voar até as árvores e brincar entre as crianças…

  11. Certo dia Peter estava rondando a embarcação do Capitão Gancho e avistou um garoto entre a tripulação. Logo Peter deu um jeito de despistar todos os piratas e resgatar o garoto. Ao chegarem em terra firme, ele descobriu que na verdade o nome de seu nome amigo era Iv. Assim como Peter, Iv não queria crescer. Mas a motivação para isso era muito triste: Iv era filho do capitão Gancho e tinha medo que o pai perdesse o pouco de ternura que dedicava a ele caso ele crescesse. Peter ficou chocado com tamanha revelão. Percebeu então que o capitão tinha um bo motivo para persegui-lo. Iv se insprava em Peter e Gancho não gostava nada disso. Gancho queria um sucessor tão ardiloso e feroz quanto ele, mas seu filho era um garoto doce e gentil. Os anos foram passando e o capitão percebeu que não havia jeito de mudar a forma de ser do filho. Resolver então cortar o mal pela raiz e dizimar Peter. Desta forma, implantaria uma desilusão em Iv e faria ele ficar ao lado do pai. E assim se sucede a narrativa: Iv continua escondido e Gancho desconfia que seu filho esteja com Peter e continua a caça-lo. E essa história promete ainda muita aventura. Afinal, a fantasia é que nos guia!

  12. Se na Terra do Nunca o que vale é não crescer, a mãe de Peter Pan não quer envelhecer…
    Quando Peter decide finalmente apresentar Sininho a Nick- sua mãe e jamais chamada assim em público , eis a grande surpresa: mais fashion, empinada e combinadinha do que a Barbie de Toy Story, linda, loira e totalmente trabalhada no botox, incendiou o ciúme da nossa fadinha.
    Nick tem o cabelo de Rapunzel, a pele de Branca de Neve e a impetuosidade do HUlk.
    Pan não quer crescer para não envelhecer sua “posh mom” , quase tão moça quanto Wendy.

  13. Era um lindo dia de sol, quando Peter Pan e sua amiga fiel Sininho passeavam e brincavam na Terra do Nunca.A Sininho ficou encantada jogando pozinho mágico nas árvores, as árvores faziam um movimento muito engraçado quando voavam, a Sininho junto com seu amigo Peter deram muitas gargalhadas quando uma dessas árvores voadoras perdeu o caminho de volta e caiu direto no navio do Capitão Gancho,que tomou o maior susto e também ficou muito surpreso pois aquela árvore escondia um mistério.Havia uma casa na árvore na qual morava uma bela mulher que se chamava Ganchabrina, que no passado foi o grande amor do Capitão Gancho.O Capitão ficou muito feliz ao reencontrar a sua amada que teria sido levada por uma bruxa malvada e a colocou presa na casa da árvore.-Minha nossa,é você mesmo?Disse ele todo alegre.-Sim,sou eu mesma meu querido.Respondeu Ganchabrina com o coração cheio de amor.Os dois se abraçaram demoradamente,foi lindo.Só que Ganchabrina era uma mulher de bom coração e não ficou nada contente ao saber que o Capitão depois que ela sumiu se tornou um homem muito cruel;-Minha nossa,cadê aquele homem tão amável que conhecí? Lamentou Ganchabrina.E fez o Capitão Gancho prometer que valtaria a ser o homem dos seus sonhos ou caso contrário preferia voltar para a casa da árvore e ficar longe do seu amado,pois não poderia concordar com tantas maudades que ele cometia.Ele então logo concordou com ela,pois não queria perder a sua amada novamente, e disse que jamais faria maudades outra vez com quem quer que seja.Ganchabrina ficou muito feliz e logo começou a organizar uma festa no navio,onde o convidado de honra seria o Peter Pan, pois o Gancho queria fazer as pazes com ele.Passaram-se alguns dias, e finalmente chegou o grande dia,uma festança.Ao chegar na festa Peter Pan ficou um pouco desconfiado,achando que poderia ser uma armadilha, a Sininho também não acreditava naquilo tudo.Mas logo puderam ver que era tudo verdade mesmo,o Capitão se aproximou cumprimentou Peter com um longo abraço,pediu desculpas e disse que de agora em diante seriam amigos,Peter ficou muito feliz.Finalmente a Terra do Nunca seria um lugar de muita paz,Ganchabrina conseguiu trazer de volta o Capitão que muitos não conheciam,um homem bom e carinhoso.Sininho ficou muito emocionada e logo convidou Ganchabrina e o Capitão Gancho para um passeio nas alturas,usou o seu maravilhoso pozinho mágico, e lá foram eles,e voaram alto podendo ver todas as maravilhas da Terra do Nunca, o Capitão chorou de emoção.Enfim, a paz reinou na Terra do Nunca.Todos viveram felizes para sempre.

  14. Peter Pan descobriu que o malvado Capitão Gancho estava ancorando seu navio pirata no Farol da Barra para roubar o maior tesouro da cidade: os bolinhos de acarajé. Rapidamente voou para Salvador em companhia de sua fiel fada Sininho e bateu na janela do quarto da pequena Júlia, sua destemida amiguinha baiana de 5 anos. Juntos bolaram um plano que iria mandar o feioso Capitão Gancho de volta para a Terra do Nunca: a pequena Júlia colocou bastante pimenta nos acarajés e quando o Gancho e seus piratas os comeram com suas enormes bocas deram o maior grito: AHHH. Estava ardendo muito, muito. Mandou então que os piratas levantassem âncora e partiram para bem longe de Salvador. Assim, Peter Pan, Sininho e Juju salvaram os acarajés do bacalhau seco do Gancho e seus piratas.

  15. Outro pequeno ser se aproximou essa noite da festa em volta da fogueira. Era mais uma noite daquelas em que Sininho e as outras fadinhas iluminavam o breu com seus vestidos cintilantes, que as cigarras animavam em banda e Peter morria de rir relembrando as últimas lições de piruetas no ar que as crianças da Terra do Nunca tiveram na tarde anterior.
    Todos se deram conta de como era parecida essa criaturinha a Peter Pan, mas algo no seu jeito de mover-se era raro e ninguém saberia explicar o que era assim tão de repente, à primeira vista.
    Mais curiosidade ainda causou o forasteiro quando falou com tom de voz firme e potente, olhar amistoso e com sotaque estrangeiro! Contou que veio de passagem e queria participar com a única intenção – reforçou – que tinha um convite para fazer a todos os presentes: que para o próximo solstício todos poderiam ir ao “Gran Festival de la Tierra del Nunca Jamás”.
    Maravilhados uns, encabulados outros e precipitados um montão mais, todos pararam o que estavam fazendo para aproximar-se do pequeno visitante que exalava um cheiro como, como…ah, como o dos campos de olivas! Era muito peculiar que se parecesse tanto a Peter Pan! Talvez por isso inspirasse uma confiança que não deixava indiferente a ninguém… Por via das dúvidas, deveriam indagar quem era e que terra era essa que parecia tão longe, assim mencionada em outro idioma, mas que também parecia tão perto dado que aspecto de cansado o viajante não tinha!
    Como depois das aulas de acrobacias aéreas todos estavam muito relaxados e pouco dispostos a alvoroços, o forasteiro pode continuar, sem ser interrompido, o convite que tinha iniciado: Todos os pequenos seres da Terra do Nunca seriam muito bem-vindos à festa na “Tierra del Nunca Jamás” e que…ohh, lhes desculpasse, ainda nem se havia apresentado, tamanha era sua vontade de expressar a alegria por haver-lhes descoberto finalmente, depois de 300 luas novas de busca! Onde estaria com a cabeça? Disse ser Quijo, mas teve que repetir três vezes para que o novo som: “qui-rro” fosse entendido por todos nós que baixinho repetíamos em coro e depois de uma afirmação satisfeita sua, lembrássemos das boas maneiras e já mais alto disséssemos: muito prazer, Quijo!
    Em volta da fogueira tudo parecia agora ampliado neste mundo dos pequenos meninos e meninas e seres diminutos de muitas formas que habitavam esta terra. Acabavam de receber uma visita inesperada e já considerada ilustre vinda de outro lugar.
    Uma roda se formou espontaneamente em volta de Quijo. O fogo foi alimentado, a música voltou a soar, o visitante foi servido com o mais gostoso dos doces dessa noite. Ao parecer, muitas estórias novas estavam ainda por ser conhecidas!

  16. Era uma vez um menino chamdo lucas, ele era alegre, brincalhão e muito bom. Quando encontrava alguma criança com dificuldade ou ameaçada pelo capitão Pedro e sua turma de malvados, ele aparecia e protegia as crianças com ajuda de sua companheira Sininho, que com seu po de pirlim pimpim lhe dava força e coragem para enfrentar o capitão Pedro.
    Certa vez Lucas e capitão Pdro comecaram uma briga no barco do capitão e num unico golpe, Lucas derrubou o capitão no Mar onde ja o esperava um crocodilo com uma enorme boca que o engoliu, dando um fim nas maldades do capitão Pedro e deixando Lucas e sua turma em paz para brincarem e serem crianças.

  17. Capitão Gancho em um de seus planos para dominar a terra do nunca e aprisionar Peter Pan e Sininho foi pego de surpresa com o surgimento de Peter Gui um primo distante de Peter Pan morador da Terra do Sempre que além de voar soltava um brilho mágico que saía de seus belos cachos pretos fazendo com que todos só tivessem bons pensamentos e boas atitudes. Assim Peter Gui conseguiu a proeza de manter Capitão Gancho solto sem pôr a Terra do Nunca, Peter Pan e Sininho em perigo.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: