Publicado por: marianacarneiro | 10/04/2011

Circo Fokus Bokus terá sessão extra

O Pequenópolis ontem foi conferir a apresentação do Circo Fokus Bokus, levando uma renca de gente. Todos saíram tão empolgados com a qualidade do espetáculo que resolvi abrir um post extra para reforçar a recomendação. Quem não foi, vá! Ainda há ingressos disponíveis para hoje e foi aberta uma sessão extra para o público no próximo sábado, dia 16, no mesmo horário (16h).

O circo é puro encantamento. A mágica começa antes mesmo de os atores entrarem no palco, quando a luz negra invade a plateia e ilumina tudo que é branco – se puder, vá de branco (roupas brancas com listras ou estampas são ainda melhores, acessórios também valem). Das vestimentas aos dentes, tudo fica fosforescente (rimou). A meninada (e nós também) se espanta e ri muito.

No palco, atores que depois viram manipuladores de bonecos (sem que possam ser vistos no palco como tal) são impecáveis. E extremamente cativantes. Um apresentador anuncia, em off, cada atração de circo internacional que vai adentrar o palco. E elas vêm cheias de surpresas e muito humor. A mágica de ver as marionetes flutuarem fica ainda melhor diante da cuidadosa e bela trilha sonora que acompanha cada apresentação.

A plateia se deliciou com números como o malabarista chinês (que arrancou muitas gargalhadas), os frenéticos gatos que formam uma banda de rock (em clima de desenho animado, engraçadíssimos), os tresloucados macacos equilibristas e um atrapalhado domador de leões. Intercalando todo esse frenesi, vieram momentos calmos e lindos, como o das bailarinas, do tangram (super interativo, as crianças tentando adivinhar as figuras geométricas que formam diferentes animais e objetos) e o do mágico invisível, um dos que mais provocou interjeições de espanto, já no encerramento do show.

Palmas (de pé) para o grupo búlgaro-argentino Kukla e para a produtora Bisa Almeida, que nos proporcionaram um espetáculo de primeiro mundo.

Sobre a técnica do teatro negro (repeteco) – O Kukla trabalha o princípio do teatro negro, que consiste num truque de óptica que tira partido de uma imperfeição do olho humano, incapaz de distinguir com clareza as imagens de objetos escuros sobre um fundo negro. Usado na China para entreter os imperadores, ele foi adotado no século XVIII pelos japoneses nos teatros de marionetes.

»»»»»»»»» Leia post anterior sobre o Fokus Bokus

 

SERVIÇO

Circo Fokus Bokus – Teatro Negro da Bulgária

Teatro Isba- Ondina

Dias 10 e 16 de abril (domingo e sábado), às 16h

Ingressos: R$ 40 (meia) e R$ 80 (inteira). Paga meia quem tem de dois a 18 anos, além dos maiores de 65 e estudantes. Quem tiver o canhoto de apresentações anteriores paga meia na seguinte.

Onde comprar: bilheteria do Teatro Isba (tel. 4009-3689/3699), que funciona de segunda a quinta das 14h às 19h e de sexta a domingo das 14h às 20h. Vendas exclusivamente em dinheiro.


Responses

  1. Mariana…Adorei a dica do circo Fokus Bokus.
    Fui conferir com meu filho no último domingo. É realmente MARAVILHOSO!
    Vale muito conferir este espetáculo único.
    Parebéns pela dica e mais uma vez, obrigada pelo serviço prestado com tanta delicadeza e comprometimento.
    Abraços!

  2. Mariana,

    Você que uma criança de 1 ano e 3 meses vai aproveitar o espetáculo do circo Fokus Bokus?

    Um abraço e obrigada pelas dicas.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: