Publicado por: marianacarneiro | 06/10/2011

Peças infantis de outubro no Gil Santana/Caballeros

Porto seguro do teatro infantil em todo fim de semana e feriado, Gil Santana está com a seguinte programação em outubro, no teatro Caballeros de Santiago (Rio Vermelho):

Domingos e feriados

10h – O Casamento de Dona Baratinha
O conto popular português adaptado e é dirigido por Gil Santana conta a história de Dona Baratinha, que vivia sonhando em se casar. Um dia ela arrumava sua casinha quando achou um baú cheio de moedinhas. A notícia logo se espalhou. Da janela, ela cantava “Quem quer casar com a dona Baratinha, que tem fita no cabelo e dinheiro na caixinha?”. Agora todos queriam se casar com ela. Pelo palco desfilam o boi, o burro e o cabrito, mas todos com vozes estridentes que assustavam a sensível baratinha.

Até que surge Dom Ratão, que  com sua voz de ratinho conquista a linda baratinha . O casamento é marcado para dias depois. O banquete é organizado, com direito a uma grande feijoada, feito pelo chef mestre Macaquê, com a ajuda das crianças da plateia. Mas Dom Ratão, muito guloso, resolve provar a feijoada antes de ir para o casamento.

Sábados, domingos e feriados

15h – Os Três Porquinhos
Numa fazenda na entrada da floresta, os porcos cantam a caminho de um piquenique, quando encontram o atrapalhado caçador Chico Chicó , que lhes avisa que o Lobo Mau fugiu do zoológico e está solto. Apavorados, eles resolvem que têm que fazer alguma coisa para se proteger. É quando aparece o Lobo Mau, que quase os devora. Espertos, os porquinhos fingem desmaios e até atacam de Pokemon, heróis dos porcos, valendo-se de golpes de karatê. Assim eles conseguem fugir, e resolvem que vão construir casas. O primeiro porco, Heitor, muito preguiçoso, resolve que vai fazer uma casa de palha. Cícero resolve fazer de madeira e Pratico, muito inteligente e nada preguiçoso, resolve que vai comprar tijolos para construir sua casa com segurança, mesmo que demore muito tempo. O lobo aparece, derruba as duas primeiras casas, mas não conseguem derrubar a de tijolos. As crianças são convidadas ao palco para soprar as casas junto com o lobo.

16h – O Cavalinho que só Canta na Chuva
O cavalinho Cazuza faz uma promessa: só cantará novamente quando chover no sertão. Só que nunca chove e ele vai ficando cada vez mais triste. O Sol, o Mandacaru e até o pássaro Carcará pedem que ele cante, pois o canto do cavalo é muito bonito e alegre, mas ele nunca mais cantou, deixando todos tristes. O violeiro então manda que ele procure a Bruxa do Sertão, pois ela o ajudará a chegar até a chuva. Louca para se casar, a Bruxa acha que o canto do cavalo é encantador e resolve com seu espelho e caldeirão ajudar o cavalinho. A partir daí vários personagens aparecem no caminho do cavalo, como o vento, o ônibus, o trem, o navio e até o avião, ajudando ele a chegar ao céu, no Setor Celestial da Chuva, Mas logo ele descobre que a Chuva está de férias. Voltando para o sertão, acontece o inesperado: a chegada da chuva. Cazuza pode, finalmente, cantar feliz. A meninada sobre ao palco diversas vezes, para interagir com os personagens. Repleto de signos do Nordeste e personagens que fazem parte do folclore brasileiro, o espetáculo escrito e dirigido por Gil Santana virou livro. A plateia mirim é convidada a subir ao palco várias vezes para participar da “viagem’.

17h – O Peixinho Xexéu
O peixinho Xexéu vive no mar com sua mãe, uma cantora de óperas. O seu grande sonho é conhecer o mundo dos homens. Isso acontece quando a sereia, rainha do mar, manda que ele encontre a caixinha que purifica as águas da poluição. Ele vem para a terra e começa a ver que o mundo não é exatamente o que ele sonhava e conversava com sua amiga nuvem. Assim como no mar, a terra está preocupada com a poluição e sofrendo suas consequências. Disposto a cumprir a sua missão, ele se deixa encantar pela gatinha Fifi, que está disposta a ajudá-lo. Só que eles terão que enfrentar o terrível Zé Gatão e sua banda de gatos, que querem pegar o peixe para almoço. Só a nuvem vaporosa poderá salvar o peixinho.

18h – Chapeuzinho Vermelho
Chapeuzinho Vermelho vai até a casa da Vovozinha, que está muito doente, e no caminho a menina encontra o terrível Lobo Mau, que se passando por bonzinho e ensina um caminho mais longo, colocando a garotinha em perigosas aventuras.

SERVIÇO

Teatro Gil Santana no Caballeros de Santiago
Rua da Paciência , 441, Rio Vermelho
Tels: 3489-2917 / 9933-63
Ingressos: R$ 24 (inteira) e R$ 12 (meia)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: